Sinédoque, Nova York

maio 4, 2009

Discuta esse artigo no Fórum Omegageek

banner_cinema1

Um dramaturgo hipocondríaco está sufocado com sua nova obra-prima: uma réplica em tamanho real de Nova York em um galpão, enquanto tem que conviver com as mulheres de sua vida.

Em seu novo alter-ego (Caden Cotard), Charlie Kaufman tenta nos mostrar a angústia da morte imediata e o egocentrismo de sua personagem. O dramaturgo não se preocupa quando suas mulheres desaparecem de sua vida ou quando os anos se passam. Preso a si mesmo, acha que o tempo não o deixará para trás e, sim, que estará sempre à frente. Dessa forma, Caden resolve criar sua própria Nova York, em uma tentativa megalomaníaca de se tornar Deus.

Como Deus de seu próprio mundo, ele comanda e escolhe o que cada um deve fazer, sempre seguindo a realidade dos eventos que se antecederam até a peça tornar-se, em dado ponto, o presente da vida de Caden. Leia o resto deste post »


Tommy

março 14, 2009

Discuta este post no Fórum Omega Geek

banner_musica

tommy-03

O The Who é conhecido como uma das maiores bandas de rock dos anos 60, embora no Brasil a sensação que fique é que muitas vezes a banda é esquecida, dando-se um destaque maior para os Beatles e os Rolling Stones quando se fala de grandes ícones dessas décadas. Formada pelo vocalista Roger Daltrey, o guitarrista e principal compositor da banda, Pete Townshend, o baixista John Entwistle e o lendário baterista Keith Moon, o The Who possui até hoje grande influência na forma como o rock é feito.

tommy-02O interessante é notar que a banda serve de referência tanto par grupos com composições mais leves, que se inspiram na fase inicial de sua carreira (na qual eram reverenciados pelo movimento mod britânico), quanto para bandas mais pesadas, inspiradas por suas composições mais maduras e, principalmente, por suas explosivas apresentações ao vivo.

A banda continua ativa até hoje, embora com somente dois de seus integrantes originais. Keith Moon faleceu em 1982, devido a uma overdose do remédio que tomava para tentar se curar do alcoolismo. Já John Entwistle morreu de um ataque cardíaco decorrente do uso de cocaína, em 2002. Leia o resto deste post »


O Pentelho

março 9, 2009

Discuta esse artigo no Fórum Omegageek

banner_cinema11

No começo da carreira Carrey mostrou caretas em comédias de humor escrachado como “Débi & Loyd” e “O Máscara” (grandes sucessos de bilheteria). “O Pentelho” dirigido pelo comediante Ben Stiler, apesar das caretas de sempre (que funcionariam um ano mais tarde em “O Mentiroso”) não são bem vistas.

Porém me peguei interessado em assistir o filme pela 7ª vez em meados de 1999, muito novo na época para entender tal interesse por um filme que todos tinham aversão e não achavam graça nenhuma. Pensei comigo mesmo: o filme é deveras um porre se visto como uma comédia, mas quem nunca teve um amigo pentelho? Aquele que sempre queria chamar a atenção através de seu humor nada engraçado ou de seu jeito pegajoso? Na época em que foi lançado no Brasil o filme não fez sucesso, fato irônico, pois em 1996 a TV à cabo no Brasil não era ‘popular’ junto com seus canais de séries americanas. Enquanto isso o público americano ovacionou o filme. Leia o resto deste post »


81ª Edição dos Prêmios da Academia (OSCAR)

fevereiro 23, 2009

Discuta esse artigo no Fórum Omega Geek

banner_cinema11

A cerimônia da Academia sempre foi luxuosa, engraçadinha e cheia dos mesmos protocolos. Esse ano, no entanto, foi decidido uma repaginação. Novos roteiristas entraram em ação (sim, os discursos são todos pré-definidos), a produção ficou mais enxuta e finalmente, depois de anos prometendo, conseguiram diminuir, pelo menos um pouco, o tempo de todo o show.

Hugh Jackman não precisou criar e improvisar diversas piadas com os presentes para poder tirar risadas. Primeiramente introduziu uma nova abertura com dança e música – que viria a ser o ponto alto da noite – com os grandes destaques da festa. Em outra cena de dança gritando a plenos pulmões que os musicais estavam de volta. Se a academia queria rejuvenescer ou dinamizar, encontrou um modelo perfeito: MTV Movie Awards. Esquete substituindo apresentadores (Pinaple Express), participação no meio da platéia (e o público que estava mais perto) e mudanças de cenário. Também foram retirados os clipes durante a cerimônia mostrando os cinco melhores do ano e colocando, dividido por gênero, todos os filmes lançados em 2008 (muitos que nunca seriam indicados ao Oscar).

A apresentação dos prêmios de melhor ator, atriz e seus coadjuvantes também foi inovada, dessa vez cinco padrinhos para fazer um pequeno discurso sobre o indicado. E devo dizer que o discurso dirigido a Anne Hathaway foi emocionante. A vencedora, Kate Winslet, deu um discurso categórico: “Desculpe, Meryl, você vai ter que engolir isso!”. Heath Ledger levou seu prêmio póstumo, ovacionado de pé e com discursos de seus pais e irmã. Quem ficará com a estatueta ainda é dúvida.

Leia o resto deste post »


Ichi, The Killer

fevereiro 11, 2009

Discuta este post no Fórum Omega Geek

banner_cinema11

Ichi, the Killer

Ichi, the Killer é, ao lado de Audition, um dos filmes mais conhecidos de Takashi Miike, prolífico diretor cuja carreira é marcada por películas controversas que vão ao extremo do gore.

A história do filme gira em torno de Kakihara, sádico gangster da Yakuza que gosta de provocar e de sofrer dor em iguais proporções; e o personagem que dá título ao longa, Ichi, um maníaco sexual confuso e demente, mas que se comporta a maior parte do tempo como um jovem tímido e fechado. O primeiro faz parte de uma gangue cujo líder desaparece, assim como todo o dinheiro do grupo. Todos supõem que o dito cujo, o “Anjo”, fugiu com a grana. Todos menos Kakihara, que crê que ele foi sequestrado. Ichi, por sua vez, é aquele que eliminou Anjo e que visa a chachinar o resto da gangue (Kakihara incluso). Leia o resto deste post »


Foi Apenas um Sonho

fevereiro 9, 2009

Discuta esse post no Fórum Omega Geek.

banner_cinema1

sonho

Frank (Leonardo DiCaprio) e April (Kate Winslet) se conheceram em uma festa, trocaram olhares e conversaram, logo mais estavam casados. April sempre quis ser atriz, enquanto Frank não sabia bem o que queria. Os dois parecem se dar bem, entretanto as aparências enganam (como em toda história ao retratar uma família típica e sem defeitos). Como se explorando o cotidiano de um homem trabalhador e uma mulher dona-de-casa, os defeitos começam a surgir aos poucos, a ausência de amor parece o estopim para iminentes brigas e a rotina claustrofóbica faz com que o casal imploda. Leia o resto deste post »


Deixa Ela Entrar

fevereiro 2, 2009

Discuta esse post no Fórum Omega Geek.

banner_cinema1Numa época em que vampiros se tornaram sinônimo de filmes água-com-açúcar com atores bonitões para adolescentes (vide Crespúsculo) e a fórmula parece esgotada, vem da Suécia a prova de que, sim, vampiros ainda têm muito a oferecer em termos narrativos e dramáticos. Deixa Ela Entrar (Låt Den Rätte Komma In), de 2008, mostra uma visão original do mito do vampiro, ainda que beba muito das lendas e superstições populares em torno do mesmo.

lettherightonein

O filme conta a história de Oskar, garoto de 12 anos que é constantemente assediado e uma vítima de bullying na escola. Sua vida comça a mudar, porém, quando ele conhece sua vizinha Eli, uma garota de sua idade e que, misteriosamente, ele nunca havia visto, nem no playground na frente de seu prédio, nem na escola. Os dois aos poucos vão descobrindo coisas em comum entre si, e uma forte amizade vai nascendo entre eles. Até que um dia, Oskar descobre o grande segredo de Eli: a menina, na verdade, é uma vampira. Leia o resto deste post »