X-MEN: MASSACRE DE MUTANTES

Discuta este post também no fórum OmegaGeek

Hoje falaremos da saga Massacre de Mutantes. A história foi contada entre as edições 31 e 34 da antiga revista X-men, em formatinho, publicada aqui no Brasil em 1991, pela Editora Abril. E envolveu os X-men, X-Factor, Quarteto Futuro e até mesmo o deus do trovão asgardiano, o poderoso Thor.

A história se passa principalmente nos subterrâneos de Nova York onde vive um grupo de mutantes chamados Morlocks. Ao contrário dos X-men que vivem na superfície em meio aos humanos normais, mesmo escondendo seus poderes, os Morlocks são mutantes deformados, cujas mutações não permitem que eles passem despercebidos na multidão. Sendo perseguidos, agredidos e até mortos, este grupo de mutantes decidiu há muito tempo se isolar nos esgotos da grande maçã, onde fundaram uma sociedade secreta.

Os Morlocks são conhecidos dos X-men de longa data. A princípio tiveram um primeiro encontro tempestuoso com os X-men. Quando sua líder, a hábil Callisto, seqüestra o Warren Worthington o Anjo, para torná-lo seu consorte.
Conheça os Morlocks

Conheça os Morlocks

Após o seqüestro do anjo e o ataque aos X-men. A batalha final é decidida entre Callisto e o Ororo, também conhecida como Tempestade, que vence Calixto, poupando sua vida no final, libertando o Anjo e de lambuja ganhando a liderança dos Morlocks.

Além de Callisto entre os principais Morlocks encontram-se Sanguessuga, que possui o dom de anular os poderes de outros mutantes. Erg, um mutante caolho com o poder de emitir rajadas de energia. Analee uma empata projetora, com a capacidade criar ilusões para assustar os inimigos, entre outros vários mutantes.

OS CARRASCOS

Embaralhador, Arco Voltaico, Arpão, Vertigo, Caçador de Escalpos e Maré Selvagem ao fundo

A partir da esquerda: Embaralhador, Arco Voltaico, Arpão, Vertigo, Caçador de Escalpos e Maré Selvagem ao fundo

A história de Massacre de Mutantes começa quando um grupo de mutantes malignos, que se autodenominam Carrascos, chega aos túneis Morlocks e começam a espalhar morte e destruição.

A equipe de vilões é formada por Caçador de Escalpos, um mutante capaz de criar qualquer armamento, geralmente armas que causam grande estrago; Arco Voltaico, cujo dom é a super-força e pode causar terremotos. Entre os vilões estão ainda o mutante Maré Selvagem, que pode girar em super-velocidade enquanto arremessa lâminas mortais; a mutante Vertigo, que pode causar tontura e desorientar os inimigos; o Embaralhador que pode neutralizar ou exponencializar poderes de outros mutantes; Arpão, que pode arremessar dardos de energia; o super-forte Arrasa-Quarteirão; Prisma um mutante capaz de emitir luz cegante; Maligna uma mutante capaz de entrar nos corpos de outros mutantes e dominá-los e o feroz Dentes-de-sabre o maior inimigo de Wolverine.

Os Carrascos eliminam dezenas de mutantes nos túneis, mas logo são confrontados pelos X-men. A luta é acirrada e os heróis acabam tendo várias perdas. Aliás este é um ponto importante desta saga, os X-men perdem uma luta e alguns ficam a beira da morte. Noturno é atingido pelas lâminas de Maré Selvagem e fica gravemente ferido. Colossus fica preso, paralisado em sua forma de aço orgânico. E Kitty Pryde, ao tentar salvar Vampira, é atingida por uma lança energética de arpão e não consegue tornar seu corpo sólido novamente, pelo contrário seus átomos começam a se dispersar e a garota caminha para a morte.

Com tantas baixas não são apenas os ferimentos físicos que influenciam neste momento. Tempestade, extremamente fragilizada pelo Massacre, dos Morlocks que estavam sob sua liderança questiona sua própria capacidade como heroína e chega a pensar em largar tudo. Mas, em outro luta com Callisto, esta lhe abre os olhos e a faz perceber que seu lugar é na liderança dos mutantes. Colossus, além dos ferimentos físicos também carrega a culpa por matar um dos Carrascos, o terrível Maré Selvagem. Maligna acaba dominando a mutante Cristal que só vem a ser salva pelos X-men depois do Massacre.

O FATOR X

Outra equipe mutante que está diretamente envolvida nos combates com os Carrascos é o X-Factor, o grupo de mutantes formado pelos X-men originais, Ciclope, Homem de Gelo, Fera, Garota Marvel e o Anjo.

O retorno de Jean Grey

O retorno de Jean Grey

A volta de Jean Grey por sinal é o ponto de partida para formação do X-Factor. Voltando um tempo antes do massacre, descobre-se que na verdade a criatura que morreu na lua, conhecida como Fênix, não era a jovem Jean Grey e sim uma entidade cósmica, que tomou seu lugar durante o acidente com o ônibus espacial, no qual Jean salvou os mutantes. Entretanto a mutante, exposta a radiação no espaço a beira da morte é encontrada pela entidade Fênix, que a coloca em uma casulo no fundo do Rio Hudson, para se curar, enquanto toma seu lugar, até enlouquecer e se suicidar na lua.

Ao ser encontrada no casulo, Jean Grey reencontra seus antigos colegas, que decidem formar uma nova equipe mutante, que, disfarçado de caçadores de mutantes, salvam mutantes em perigo. Relutantemente Scott Summers, que estava casado com Madelyne Pryor, abandona temporariamente a família para encontrar seu antigo amor. Quando retorna ao lar não encontra mais a mulher e o filho.

Em suas aventuras um dos mutantes salvos pelo X-Factor é o jovem Artie, uma criança capaz de projetar imagens psíquicas. Artie tem uma visão de dois amigos seus, Rusty e Skids, sendo atacados pelos carrascos nos túneis dos Morlocks e corre para tentar ajudar seus amigos. O X-factor seguindo uma pista deixada por Artie, chegam aos esgotos e enfrentam os Carrascos. A equipe além de socorrer os mutantes feridos e levando-os para sua sede, também tem suas baixas.

O Anjo tentando salvar Morlocks é emboscado pelos Carrascos e tem suas asas gravemente feridas. Salvo por Thor, o mutante é levado para tratamento em hospital, no qual suas asas acabam sendo amputadas para salvá-lo, por ordem do Diretor do X-factor, Cameron Hodge. Essa amputação afeta Warren gravemente que mais tarde acaba cometendo suicídio. Mais tarde descobre-se que Cameron Hodge queria se apoderar da fortuna de Warren e planejou a queda do X-factor. Descobre-se ainda que na verdade o Anjo não morreu, ao invés disso, havia sido seqüestrado e alterado geneticamente pelo vilão Apocalipse, para se tornar seu Cavaleiro da Morte, o Arcanjo.
Anjo caido

Anjo caído

AS CONSEQUÊNCIAS DO MASSACRE

Além dos ferimentos causados aos heróis mutantes, o ataque dos Carrascos foi um ponto determinante na cronologia mutante. A partir dali vários personagens adotariam novos rumos. Kitty Pryde salva por Reed Richards acaba saindo dos X-men, juntamente com Noturno, para se curar completamente na Inglaterra. Lá conhecem Brian Braddock, irmão de Psylocke e sua namorada transmorfa Meggan, e fundam o Excalibur uma equipe que acaba tendo várias aventuras extra-dimensionais. Mais tarde a filha de Jean Grey e Scott Summers, Rachel, a nova Fênix, se une aos integrantes do Excalibur e completa a formação original do grupo.

A primeira formação do Excalibur

A primeira formação do Excalibur

As feridas abertas pelo massacre dos mutantes também levam aos X-men numa busca sobre os verdadeiros motivos do ataque dos Carrascos. Muito mais tarde os mutantes descobrem que todo ataque havia sido orquestrado por um poderoso mutante chamado Sr. Sinistro. Nesta luta final com Sinistro a Mansão dos X-men é totalmente destruída.

Além disso a participação do X-Factor no massacre define novos caminhos para a equipe, que agora enfrenta o seu maior inimigo, Apocalipse, enquanto tentam libertar Warren do domínio do vilão. A essa altura vocês devem estar pensando porque o X-Factor e os X-men não se uniram contra os Carrascos. As equipes em nenhum momento da saga se encontram. E os X-men, que não sabem que Jean Grey está viva, acreditam que os integrantes X-Factor são realmente caçadores de mutantes.

O encontro só ocorre muito tempo depois na grande saga denominada Inferno, na qual toda verdade sobre Madelyne Pryor é revelado, o fato da esposa de Ciclope ser na verdade um clone de Jean Grey, criado pelo Sr. Sinistro. Nesta saga Madelyne abre um portal entre a terra e o limbo e torna Nova York numa versão distorcida do inferno, repleta de demônios espalhados pelas ruas, mas essa é uma história para ser contada em outro momento. Termina aqui então a saga Massacre de Mutantes, quem tiver interesse é relativamente fácil encontrar esta saga em sebos e lojas especializadas e vale a pena acompanhar esse momento tão triste da história dos mutantes da Marvel.

Anúncios

4 Responses to X-MEN: MASSACRE DE MUTANTES

  1. julio disse:

    puxa, a época de ouro dos mutantes.
    me fez lembrar a época em que mal esperava chegar o dia da nova edição de X-men. fora a participaçao especial do quarteto futuro, que foi muito boa. hehehe
    abçs

  2. Iola disse:

    What’s up, all the time i used to check web site posts here in the early hours in the dawn, since i like to gain knowledge of more and more.

  3. Hello there! I could have sworn I’ve visited this web site before but after browsing through some of the articles I realized it’s new to me.
    Nonetheless, I’m definitely happy I found it and I’ll be book-marking it and checking back regularly!

  4. This is my first time pay a visit at here and i am
    in fact pleassant to read everthing at single place.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: