Blaze Bayley – The Man Who Would Not Die

Discuta este artigo no Fórum Omega Geek

Blaze Bayley é um dos nomes mais injustiçados do metal. Também, pudera, ficou conhecido justamente por ter substituído durante alguns anos um dos maiores vocalistas do estilo, Bruce Dickinson, em uma das maiores bandas do mundo, o Iron Maiden. Seu timbre diferente do de Dickinson, que o impedia de atingir os mesmos tons em músicas antigas, aliado a uma alergia respiratória que prejudicava seu desempenho fizeram com que Blaze durasse somente dois discos como integrante da banda, sendo substituído por seu antecessor.

O que se seguiu depois foi uma carreira solo competente, com álbuns excelentes como Silicon Messiah e Tenth Dimension, porém sempre tendo de carregar nas costas o papel de “vocalista rejeitado do Iron Maiden”. Uma série de problemas com a gravadora fizeram com que Blaze desistisse da música, se tornando alcoólatra e trabalhando em uma fábrica para sobreviver. Foi preciso a ajuda de sua amiga de infância, empresária e esposa, Debbie, para que ele retomasse a carreira, num trabalho que resultou em The Man Who Would Not Die.

O disco é um verdadeiro tapa na cara daqueles que acreditaram que Blaze estava morto e não era capaz de fazer nenhum trabalho que valesse a pena. Já começando com a sensacional The Man Who Would Not Die, o nível não cai em nenhum momento, sempre com músicas rápidas, pesadas, com refrões que ficam na cabeça durante dias. O principal, é claro, é a voz de Blaze, inconfundível e única.

Os destaques ficam para a faixa-título, além das músicas A Crack in the System, Waiting for My Life to Begin, Serpent Hearted Man e a tocante While You Were Gone, uma grande declaração de amor que Blaze faz para sua esposa Debbie, que tragicamente faleceu pouco após o lançamento do CD. Apesar dos boatos de que isso poderia por um fim à sua carreira, Blaze anunciou que honrará o pedido de sua esposa, e continuará se dedicando à música, seu verdadeiro talento e paixão. A turnê mundial começou no mês passado, e deve passar no Brasil durante o mês de janeiro.

Tracklisting

1. The Man Who Would Not Die
2. Blackmailer
3. Smile Back At Death
4. While You Were Gone
5. Samurai
6. Crack In The System
7. Robot
8. At The End Of The Day
9. Waiting For My Life To Begin
10. Voices From The Past
11. The Truth Is One
12. Serpent Hearted Man

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: