“Weird Al” Yankovic

Discuta esta postagem no Fórum Omega Geek

Poucos artistas são tão assumidamente nerds quanto “Weird Al” Yankovic, nome artístico adotado por Alfred Matthew Yankovic. Sua discografia é baseada em paródias de músicas como “Girls Just Wanna Have Fun” de Cindy Lauper, “Another One Bites the Dust” do Queen e “American Idiot” do Green Day, sempre fazendo referências engraçadas à cultura pop. Essa combinação de bom humor com referências ao mundo nerd já rendeu a ele três prêmios Grammy e cerca de 12 milhões de discos vendidos.

Sua carreira teve inicio em 1979, quando fez sua primeira paródia chamada “My Bologna”, em referência à música “My Sharona”, da banda The Knack, que fazia sucesso na época. My Bologna obteve grande sucesso no programa de rádio do Dr. Memento, especializado em paródias e canções humorísticas. O sucesso veio com a paródia da música “Beat It”, de Michael Jackson, intitulada “Eat It”, seu single de maior sucesso durante 22 anos, só superado em popularidade por “White and Nerdy” de 2006.

Suas letras fazem diversas referências ao mundo nerd, como “White and Nerdy”, que fala sobre um cara que não consegue se enturmar com os “gangtas” por suas atividades nerds, como colecionar quadrinhos, jogar Dungeons & Dragons e editar a Wikipedia. Star Wars também é um tema recorrente, como na música “The Saga Begins”, em que Weird Al narra de forma humorística a história do Episódio I. Outra música que cita o universo de Star Wars é “Yoda”, que trata da relação entre Luke Skywalker e Yoda, durante os eventos do Episódio V.

Outros temas que apareceram ao longo dos anos nas letras de Yankovic são o primeiro filme do Homem Aranha, narrado integralmente na música “Ode to a Superhero”, o vício dos americanos por programas de televisão, além da constante paranóia que faz pessoas processarem outras pelos motivos mais banais possíveis. O fator principal que impede Yankovic de ser mais conhecido fora dos Estados Unidos é a barreira da linguagem, já que é preciso dominar bem o inglês para entender alguns dos trocadilhos que faz. Além disso, é preciso ter um bom conhecimento de referências e citações nerds para entender suas músicas, o que torna seu público ainda mais restrito.

Anúncios

One Response to “Weird Al” Yankovic

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: