Hora do Rush: Trens de São Paulo Versus Trens de Tóquio

Mesmo quem não é de São Paulo já ouviu falar no caos que é essa cidade na hora do Rush (tanto de manhã quanto no final da tarde), ainda que a tendência é que toda hora seja hora do Rush em São Paulo daqui pra frente, já que as ruas estão cheias, os ônibus estão cheios e um dos transportes mais usados por ners para chegar aos pontos mais nerds da cidade, os metrôs (trens suburbanos) estão cada vez mais entopidos.

Dando uma rápida pesquisada descobri que uma das cidades mais importantes do mundo, Tóquio, reconhecidamente uma das cidades com mais gente por metro quadrado no planeta, tem um problema semelhante e uma solução interessante para o flood de gente nos trens. Eles dão um “empurrãozinho” nos usuários. Olhe e compare:

Trens de São Paulo, estação Sé

Trens de Tóquio e o empurrãozinho amigo

Pelo menos eles não têm preconceito e empurram a mulherada também. E pelo menos agora, quando eu for usar o metrô eu vou poder lembrar que lá do outro lado do planeta o pessoal ainda é socado à força pra dentro dos trens.

Anúncios

12 Responses to Hora do Rush: Trens de São Paulo Versus Trens de Tóquio

  1. Rossana disse:

    Gee, se eu não tivesse visto o vídeo, teria achado que era exagero do seu post isso de os guardas socarem o pessoal pra dentro do metrô. O.o

    É deveras engraçado, mas de alguma forma, um pouco chocante, né não?

    O melhor (ou pior, não sei) é o pessoal se acabando pra conseguir entrar no vagão, e eles olhando com a maior naturalidade, esperando o momento certo para o empurrãozinho amigo. XD

  2. Rafael "Shazan" disse:

    Pois é, Rossana. O troço é verdade mas é até justificável… Tóquio tem mais de 30 milhões de pessoas vivendo em um raio de uns 50 quilômetros, o que é extremamente absurdo! E isso nem é tudo… tem muita gente que trabalha longe pra caramba da cidade e vem de trem bala e trens normais para os centros comerciais, o que acaba até “justificando” esse empurra empurra na hora de não perder tempo.

    Mesmo assim é engraçado ver que por lá as coisas são tão ruins ou piores que aqui em São Paulo. Repara que tem um gordinho que chega dando uma ombrada pra dar o “empurrãozinho amigo” dele e quando vê que não vai dar pra entrar ele vai pra próxima porta e acaba conseguindo lugar antes de um povo que já tava lá tentando entrar hehehe. A estratégia é ir pelo cantinho e chegar na ombrada!! hehehehe

    Outra coisa ruim é pensar nas mulheres no meio daquele monte de homem… e todo mundo grudado. Deve ser meio humilhante… como são os ônibus e o metrô por aqui também.

  3. Gustavo "Omykron" disse:

    humilhante seria soltar um pum dentro desse metro, isso sim.

  4. Leonardo disse:

    Holy Cow

  5. Ricardo "canslli" disse:

    Por isso que eu estou muito bem na minha cidadezinha do interior, obrigado. Meu pai trabalha a 3 quarteirões de casa, minha mãe a 1 e o colégio que o meu irmão vai a 5.
    Nada de passar apertado com trânsito, trens lotados, etc. É só andar um pouco e voilá, já chegou no destino. : ]

  6. Jorge disse:

    O povo também deve chegar todo amassado e descabelado no trabalho. LOL

  7. Rafael "Shazan" disse:

    Mais que isso, Jorge. Você se sente quase estuprado. Eu sempre fico com a bunda virada pra parede lol

  8. Larissa "Fiotinha" disse:

    Se eu vejo que não vai ter um espaço razoável entre minha bunda e qualquer outra parte do corpo de outra pessoa, eu nem entro no metrô. Nah, o trabalho e a faculdade podem esperar, minha bunda é mais importante.

  9. Belfalas disse:

    Como se chama essa “Profissão” ?

    Essa de “bunda” lá, pra eles não é nada, tipo, bunda não é nada sexual lá se comparado como é aqui no Brasil, portanto se deram aquela encoxada basica, as japas nem ligam lol.

    Mas o foda é que quando simplismente não tem espaço pra passar e vem aquelas mulheres botijão (Baixa e Roliça) atropelando todo mundo (Tipo Boliche)

  10. Rafael "Shazan" disse:

    Cara, essas tias gordas são o terros dos ônibus e metrôs de São Paulo. Afinal, não satisfeitas em serem gordar e empurrarem todo mundo, elas são baixas e se SEGURAm em todo mundo. Sem contar que elas são desesperadas para sentar e atropelam e empurram todo mundo pra fazer isso.

    Eu já cheguei a ver uma tia gorda JOGANDO UMA BOLSA em um banco que tinha acabado de ficar vago, só pra ela “garantir” o lugar dela. Velho, que barbárico! heheheheh

  11. Danilo "Minduim" disse:

    Boa parte da culpa dos trens ficarem inabitáveis são dos próprios usuários, que não são capazes de ocupar os espaços nos corredores e ficam nas portas.

  12. Manuela disse:

    “u já cheguei a ver uma tia gorda JOGANDO UMA BOLSA em um banco que tinha acabado de ficar vago, só pra ela “garantir” o lugar dela. Velho, que barbárico! heheheheh”

    hauahuahuahauhauhauahauhauahuahauhauahuahauahuahauhaa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: