X-men: Dias de um futuro esquecido

Discuta esse post também no fórum Omega Geek

xmen1

O ano de 1986 ficou marcado como o ano de publicação aqui no Brasil de uma das maiores histórias já escritas nos quadrinhos. Uma história de esperança, retorno, segundas chances, mas ao mesmo tempo um vislumbre de ódio e desespero, num mundo onde não existe igualdade e onde aqueles que são diferentes, são caçados, presos e mortos.

Chegando ao Brasil com cinco anos de atraso a saga Dias de um futuro esquecido (Days of future past), injetou novo fôlego nas histórias dos mutantes, após a morte da Fênix, acabou se tornando referência não só para o universo mutante, como também para o mundo dos quadrinhos e até para as telas de cinema.

UM PRESENTE SEM FUTURO

mutantes caçados

mutantes caçados

A idéia é simples e genial. O ano é 2013. Os Sentinelas, robôs caçadores de mutantes, dominaram a América e dividiram a humanidade  em três castas, que carregam tatuagens para serem identificadas. Os humanos normais são identificados pela letra H. Os humanos anormais, que não se enquadram nos padrões de normalidade definidos, carregam a letra A. E os mutantes trazem a letra M, que nesta realidade é a mesma coisa que o símbolo da morte.

Os mutantes são caçados tanto pelos Sentinelas, quanto por farejadores psíquicos, geralmente mutantes, ou anormais telepatas, cientificamente modificados para rastrear mutantes. Ao serem capturados são utilizados em experimentos, torturados, encaminhados a campos de concentração e mortos.

Os demais continentes ainda não caíram sob o julgo dos Sentinelas, entretanto os robôs gigantes planejam uma invasão mundial para acabar com a raça mutante e controlar os humanos. Entretanto neste futuro sombrio ainda existe uma esperança: os X-men. A maioria dos membros foi exterminada, mas mesmo assim um grupo de heróis mutantes continua lutando. E nesta batalha, um plano ousado é formulado.

Os mutantes remanescentes da equipe Wolverine, Tempestade, Magneto (nesta história paralítico e mentor dos mutantes), Rachel Summers (filha de Ciclope e Jean Grey neste futuro alternativo), Franklin Richards (filho de Reed e Susan Richards, do Quarteto Fantástico), Kitty Pryde e seu marido Colossus, planejam voltar ao passado para alterar um evento que de acordo com Magneto poderia mudar o futuro sombrio em que vivem.

O citado evento seria o assassinato do senador Robert Kelly, pelas mãos da Irmandade de Mutantes. Esse crime desencadearia o registro de mutantes e a seguir a fabricação em massa dos Sentinelas. De posse dessa informação, os X-men decidem investir num plano desesperado para mudar o passado. Utilizando os poderes telepáticos de Rachel, os X-men enviam a mente da Kitty Pryde adulta, para o seu corpo adolescente no passado. A escolha de Kitty tem um motivo. No passado todos os integrantes dos X-men já passaram por treinamentos mentais para se defender de ataques psíquicos, exceto a jovem Kitty, que acabava de integrar a equipe mutante.

A BATALHA FINAL

A partir desse momento a história se desenvolve em duas frentes, presente e futuro. No presente a Kitty Pryde adulta desperta em seu jovem corpo e tenta convencer os X-men de que veio do futuro para lhes avisar da tragédia que mudaria o mundo. A princípio os X-men não acreditam na história. Mas depois de várias explicações, fica claro que a garota está falando a verdade. Os X-men partem em seguida para Washington para confrontar a Irmandade de Mutantes – liderada pela perigosa transmorfa Mística – e tentar evitar o atentado.

Enquanto isso no futuro os X-men, mantendo a consciência da jovem Kitty em transe no seu corpo adulto, lutam para escapar dos Sentinelas e tentar evitar uma catástrofe mundial, pois os sentinelas planejam estender seu domínio para fora do continente americano, porém os demais países pretendem retaliar a invasão com um ataque nuclear que pode levar o mundo inteiro à destruição.

No presente, os X-men disfarçados misturam-se a multidão que assiste a um debate entre o Senador Robert Kelly, a Dra. Moira MacTaggert e o próprio professor Xavier. A Irmandade então inicia o ataque e os X-men partem para o confronto contra a equipe de vilões.

No futuro, durante sua fuga os X-men sofrem sua primeira baixa, quando Franklin Richards, namorado de Rachel é exterminado por um Sentinela, enquanto tenta proteger a jovem telepata. Os X-men invadem uma base dos Sentinelas e durante este ataque Wolverine é chacinado por uma rajada de energia; sobram apenas os ossos de adamantium do mutante. Tempestade e Colossus também são mortos enquanto lutam para proteger Rachel e os demais. Enquanto isso a filha de Jean Grey e Scott Summers continua mantendo a mente de Kitty no passado.

morte aos mutantes

morte aos mutantes

No presente, a luta continua acirrada e ambos os lados tem baixas, mas enquanto a batalha se desenrola a mutante Sina – que tem o poder de prever o futuro – consegue chegar ao Senador Kelly. Quando está prestes a assassinar o político com um tiro, é impedida pela Kitty Pryde adulta em seu corpo jovem. Alguns podem perguntar, como alguém capaz de prever o futuro pode ser surpreendida? Aqui Claremont teve uma idéia brilhante para resolver esta questão. A Kitty Pryde veio do futuro e dessa forma estava fora do alcance das visões de Sina.

Assim que Kitty impede o assassinato, sua mente retorna ao futuro. Os X-men no presente derrotam a irmandade de mutantes e ficam com a dúvida que vai permear várias histórias dali para a frente. Será que os heróis conseguiram evitar o futuro sombrio?

VISÕES DO FUTURO

Como citado lá no começo do post, Dias de um futuro esquecido marcou uma geração e as histórias em quadrinhos para sempre. A saga teve reflexo direto em toda cronologia mutante e apresentou novos elementos, como a jovem Rachel Summers, que mais tarde retornaria ao passado e as histórias dos mutantes, assumindo o codinome de sua falecida mãe, como a Nova Fênix.

refugiada, farejadora, heroina nos X-men, particando do Excalibur e assumindo o poder da Fênix.

A evolução de Rachel, da esquerda para direita: refugiada, farejadora, heroína nos X-men, participando do Excalibur e assumindo o poder da Fênix.

Esta saga ainda influenciaria os eventos futuros no universo mutante com a vinda do mutante Bishop de um futuro onde os mutantes eram marcados também com um M. O mutante chega a nossa realidade perseguindo um criminoso que fugiu para o passado e acaba ficando preso em nosso presente. Bishop passa a fazer parte dos X-men.

O tema de viagem no tempo é usado novamente com o mutante Cable. Mas aqui a história é um pouco mais complicada. Cable é na verdade Nathan Christopher Summers, o filho de Ciclope e Madeline Pryor, a mulher que casa com Ciclope após a morte de Jean Grey(na verdade Madelyne era um clone de Jean Grey). Cable ainda criança é infectado com um vírus mortal e sua única chance de salvação é ser enviado para o futuro. Ciclope então é obrigado a enviar seu filho para mil anos no futuro. Lá, Cable é criado pelos membros da ordem Askani. Neste futuro, o vilão Apocalipse é quem comanda o mundo e algum tempo depois, já adulto, Cable também retorna ao passado para tentar mudar seu futuro e eliminar a ameaça de Apocalipse.

Cable has no time for your shenanigans

Cable has no time for your shenanigans

Existem ainda outras histórias e personagens oriundas dessa temática passado/presente. Mas o mais importante da trama Dias de um futuro esquecido, foi ter influenciado histórias com a mesma temática no cinema e na TV. O exemplo mais clássico é o filme Exterminador do Futuro, estrelado por Arnold – Hasta la vista baby – Schwarzenegger, no qual um robô é enviado ao passado para tentar evitar um futuro apocalíptico.

Recentemente o tema foi reutilizado na famosa série Heroes, em um episódio da primeira temporada, o viajante temporal Hiro Nakamura retorna cinco anos no passado para alertar os demais sobre um futuro sombrio. A utilização do tema em Heroes nem é tão surpreendente uma vez que Jeph Loeb faz parte da equipe criativa do seriado. Loeb, famoso escritor, que já passou pela Marvel e DC Comics, já escreveu histórias para os mutantes e trabalhou também com os arcos de histórias de Cable e da X-force.

O fato é que para sua época, Dias de um futuro esquecido foi um divisor de águas, mostrando que histórias em quadrinhos podem ter temas mais sérios – no caso o extermínio remetendo diretamente aos campos de concentração alemães- e ainda assim continuar surpreendendo com roteiros inovadores adicionando elementos nunca antes utilizados. Vale a pena ler essa história, que mesmo após tantos anos continua visionária, e deixar-se levar pelas previsões sombrias feitas pro Chris Claremont

About these ads

7 respostas para X-men: Dias de um futuro esquecido

  1. [...] informações, sinopse e afins, no Battle Nerds Blog. Para comprar, só em sebos, ou se algum dia for relançado. bb_keywords = "x-men, wolverine, [...]

  2. Eliseu disse:

    tragédia wolverine morrei

  3. I simply desired to say thanks yet again. I’m not certain the

    things I could possibly have accomplished in the absence of those thoughts shown by you directly on

    that area of interest.

    It had been a terrifying

    problem in my opinion, but taking a look at this skilled avenue you dealt with that

    forced me to weep with fulfillment. I am just happier for your advice and as well , hope that

    you realize what a powerful job you have been doing educating others through your web site. I am certain you’ve never met all of

    us.

  4. Finley disse:

    F*ckin’ tremendous things here. I am very happy
    to

    see your post. Thanks so much and i am looking

    forward to contact you. Will you please drop me a e-mail?

  5. I not to mention my buddies came reading through
    the great guides from your web blog then unexpectedly came up with a horrible suspicion I had not thanked you for those strategies.
    All the boys

    happened to be so excited to study all of them and have actually been having fun with those things.
    Many thanks for being really accommodating and then for

    choosing such helpful subject areas most people are really desirous to
    understand about. My very own sincere apologies for

    not expressing appreciation to earlier.

  6. Ceu disse:

    Simplismente amo X-men!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: